18 de abr de 2011

Senti.me ?

Sentimentos são confusos, inesperados ou até inconvenientes.
Eles se alimentam de coisas pequenas (fofas) e ali crescem.
Ao contrário do que falam, eles não surgem do além, apenas que sejam à primeira vista ou completamente paixões platonicas, por exemplo.
Mas o que eu realmente gostaria de entender é o porque sempre queremos explicar tudo. Tudo tem lógica?
"Confuso, ou perplexo demais?"
Acredito (não acho; ninguém acha nada), que se nós próprios, nós seres, imperfeitos e contraditórios não nos entendemos como um outro ser mais diferente vai conseguir nos entender?
Então, não fale que você ama, sem amar. Não sorria quando estiver com vontade de chorar.. Faça o que tiver vontade. Se quiser chorar, chore. Se quiser rir, ria. Se quiser dançar, dance. Se quiser gritar, grite. Se quiser andar na chuva, ande. Se quiser sair, saia! Se quiser falar um ''eu te amo'' fale, desde que seja verdadeiro, caso contrario, você pode magoar as pessoas, e brincar com os sentimentos dos outros, não é nada legal.
Enfim, faça o que você tiver vontade, pois nenhum de nós  sabemos o dia de amanhã. Viva cada momento como se fosse o último, por isso não esqueça que as escolhas são suas, bem como as conseqüências também serão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário